terça-feira, 26 de setembro de 2017

7 Coisas Que Você Deve Manter em Segredo Absoluto

Existem 7 Coisas Que Você Deve Manter em Segredo em qualquer circunstância! 
Provavelmente você está muito curioso para saber quais são...
Mas eu não vou contar o que são ou vão deixar de ser segredo!
Kkk... Acharam que mesmo que eu iria contar? Que trouxas!

😂😂😂😂😂




sexta-feira, 6 de janeiro de 2017

Barbie, A Estranha

Se eu fosse inventar um filme, eu criaria algo chamado "Barbie, A Estranha". E um dos diálogos do filme seria:
Menina: Barbie, você é muito esquisita!
Barbie: Esquisita, eu? Por quê? Minhas roupas são fashion e eu tenho peitinhos!
Menina: Tá, peitinhos? E os mamilos? Todo mundo tem mamilos! Pode não ter peitos, mas até os meninos tem mamilos!
Barbie: Isso não me faz esquisita! Eu sou amada por todos! Pergunte ao meu namorado!
Menina: Ken?
Barbie: Meu namorado!
Menina: 🙄
Barbie: O que foi?
Menina: Barbie você é realmente muito estranha! Teu namorado não tem pênis! Venha aqui, Ken!
Barbie: Quem?
Ken: Quem?
Menina: Ken! Baixe as calças e mostre aí pra ela!
Ken: Quem?
Menina: Quem namoraria um cara sem pênis?
Ken: Sim!
E assim por diante. 
[Bom, é isso o que eu faço quando estou sem sono: fico criando bobagens assim. Pensando bem, talvez o estranho seja eu!]
E antes que comentem: qualquer semelhança com alguma esquete de Abbott & Costello é mera coincidência 
(https://youtu.be/ueZo94AG8PA)

domingo, 11 de dezembro de 2016

Natal chegando...

Natal chegando...





(meus textos para teatro e stand-up estão em: www.euquefiz.com - victor@euquefiz.com)


deje su mensaje en español - leave your message in English - laisser votre message en français - deixe sua mensagem em português

domingo, 4 de setembro de 2016

Poesia de Terror

Um Vulto no Meio da Noite


Com a sensação de não estar só
Por um pesadelo, apavorado,
Acordo a noite, estranhamente, 
Com medo que haja algo ao meu lado

Eu vejo um vulto? Imaginação?
Não há por que ficar tão abalado 
Eu sei que está só na minha mente
Mas sinto o coração paralisado

Não tenho nem respiração... Com medo
No interruptor coloco o dedo
Para desfazer a escuridão 

Eu sei que vim e voltarei ao pó
Algo que eu não queria ter lembrado
Pois estou deitado... Em meu caixão


Mágica

Eu fazendo mágica com Deeza Coelho (www.deezacoelho.com.br)...

terça-feira, 30 de agosto de 2016

Com Legenda Apropriada?


Às vezes uma legenda apropriada é melhor ser evitada... 


(Com fotos de Deeza Coelho - www.deezacoelho.com.br)

(meus textos para teatro e stand-up estão em: www.euquefiz.com - victor@euquefiz.com)


deje su mensaje en español - leave your message in English - laisser votre message en français - deixe sua mensagem em português

sábado, 23 de julho de 2016

Exame de Próstata

O exame da próstata é necessário, isso eu concordo e consigo entender...
O que eu não entendo é a frieza do médico...
Custava dar um beijinho na boca?


(meus textos para teatro e stand-up estão em: www.euquefiz.com - victor@euquefiz.com)


deje su mensaje en español - leave your message in English - laisser votre message en français - deixe sua mensagem em português

quarta-feira, 20 de julho de 2016

Se Eu Saio

Se Eu Saio
Se eu saio
Me distraio...
Todo dia
Me atrapalho!
Ir às compras 
É uma luta
Me complica
Me irrita...
Padaria
Ou mercado?
Não vou ir
Comprar nada!
Pois a lista
Almejada
Minha mente 
Modifica,
Quando volto, 
Tudo errado,
Nada disso
Tu querias!

Não vou sair!
Quis um pente?
Vem revista...
E o remédio
Para as dores?
Chocolate,
É o que trago...
Trazer frutas?
Trago alho...
Quero pão,
Trago amoras
Parafusos?
Trago flores. 
Comprar leite?
Trago azeite
Macarrão?
Eu me esqueço:
Volto com
Uma caixa
De bombom...

Quis jornal,
Trago fita.
Queres faixa?
Que agonia!
Trago um cabo.
Baterias?
Adivinha!
Endoideço...
Trago linha
E cuíca...
Comprar peixes
Não me deixes:
Quis salmão?
Vem sabão...
Eram trutas?
vem caniço...
É normal
Fazer compras?
Para mim,
Um problema!

E as contas?
É um tédio
É confuso
Leva horas...
Pagar contas
E o imposto
Ou tributos?
Ando às tontas
E acabo
No cinema...
E no fim, 
Quando volto,
Me revolto,
Recomposto:
Do dinheiro
Em minutos
Sobra zero
Gasto inteiro
Em produtos 
Que não quero.

(meus textos para teatro e stand-up estão em: www.euquefiz.com - victor@euquefiz.com)


deje su mensaje en español - leave your message in English - laisser votre message en français - deixe sua mensagem em português

domingo, 17 de julho de 2016

Ave-lã


Eu estava pensando... Uma ovelha que voa, pode ser considerada uma ave-lã?

???


(meus textos para teatro e stand-up estão em: www.euquefiz.com - victor@euquefiz.com)


deje su mensaje en español - leave your message in English - laisser votre message en français - deixe sua mensagem em português

sexta-feira, 15 de julho de 2016

Reflexos Gigantes Sobre Algumas Ofensas Pessoais

Reflexos Gigantes Sobre Algumas Ofensas Pessoais

"Feio!" E suas principais variantes
É o que mais ouvi em minha vida:
"Horroroso!", vindo de mulheres
(Coincidentemente nada belas),
Porque talvez, para elas 
O feioso nada vale
E para elas, talvez, seja
A ausência de beleza
O pior de todos males

Para mim, a depreciação "horroroso!"
Nada significa como xingamento
Não faz diferença, agora, no momento
Nem nunca fez diferença de onde venho
Nunca fui bonito e gritarem-me: "feio!"
Faz tanto sentido quanto a mim chamarem:
De "Criativo!", de"Generoso!",
De "Gênio!", de "Bondoso!",
De "Bom de cama!", de "Original!", 
De "Ticudo!", de "Legal!", 
ou quaisquer qualidades 
que eu tenho certeza que eu tenho.

Também acho engraçado 
quando o traído namorado,
Marido, amante ou ficante
Vem a mim e enche a boca
E me chama de "cornudo!" e "trouxa!"
Não consigo mesmo entender essa!
Talvez eu esteja sendo
Meio burro ou demente, 
Mas não consigo ver, realmente,
Como tua condição me serviria de adorno
Se não sou eu quem está sendo corno?
Tenho pena delas, que os escolheram antes
Melhor teriam ter escolhido diferente
Homem que até na hora de ofender
Mostra-se nenhum pouco inteligente.

"Velho!" É o que escuto ultimamente
Eu sei se quem me chama não é vidente
Mas, pense bem, que sentido faz
Tentar me xingar com algo
Que você será futuramente?

Não te desejo mal, mas já que pra ti
Ser "velho" é algo tão terrível assim
Eu te desejo, jovem, uma morte recente...
E sobre teu caixão direi, contente,
Essas sentenças que já sei decor:
"Que bom, evitaste a tragédia
De viver mais tempo nesta comédia
Em que ser velho é muito pior 
do que estar no lugar de quem morreu
Podes deixar que, da viúva, cuido eu..."

(meus textos para teatro e stand-up estão em: www.euquefiz.com - victor@euquefiz.com)


deje su mensaje en español - leave your message in English - laisser votre message en français - deixe sua mensagem em português